Hub de inovação da Investe Piau√≠, casa do empreendedor, ser√° inaugurado nesta quarta (29)

No local foi instalado um est√ļdio de podcast, que poder√° ser usado de forma gratuita pelas empresas e comunidades, mediante reserva de hor√°rio.

Por Portal O Piauí em 28/05/2024 às 16:26:41
O espaço contará com um auditório para 30 alunos e terá aulas de tecnologia dos três turnos (manhã, tarde e noite). (Foto: Divulgação/CCOM)

O espaço contará com um auditório para 30 alunos e terá aulas de tecnologia dos três turnos (manhã, tarde e noite). (Foto: Divulgação/CCOM)

O governador Rafael Fonteles inaugura, nesta quarta-feira (29), às 16h, o Hub Investe Piauí, espaço de inovação da Ag√™ncia de Atração de Investimentos Estratégicos do Piauí (Investe Piauí). Na Avenida Miguel Rosa, em frente à Estação Central do Metrô de Teresina, o local vai conectar o poder público com empresas e startups, ajudando a desenvolver negócios, oferecendo soluções para serviços públicos e movimentando o ecossistema de inovação do estado.

O prédio de quase 800 m¬≤ e tr√™s andares ter√° núcleo de inovação, incubação de empresas, cursos de tecnologia, espaço de coworking, atendimento a empresas, programas empresariais e apoio a fomento de recursos públicos.

"O hub tem que ser entendido como a casa do empreendedor. E aí nós estamos falando de todos: microempresa, empresa de tecnologia, de agro, de familiar, produtor rural e aquele que tem um pequeno produto que quer rodar. Todos vão ser atendidos por esse espaço", explica o vice-presidente de Inovação da Investe Piauí, Cristiano Vargas.

Hub Investe Piaui (2).jpeg

Clube do Investidor

Um dos programas do hub é o Clube do Investidor, que far√° o elo entre empres√°rios interessados em investir recursos em startups. O acesso a recursos públicos, sejam estaduais, como Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi), ou federais, como Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), também ser√° facilitado.

Outra inciativa do novo espaço da Investe Piauí é o Laboratório de Inovação do Piauí (Lipi), em que os desafios existentes dentro da administração pública estadual serão transformados em problemas mensur√°veis para que as startups ou os empreendedores possam propor soluções. "É uma maneira de conectar com o Governo do Estado muito mais r√°pido do que ter que ir tentar vender um produto a uma secretaria ou a algum órgão", destaca Vargas.

Conexão com hubs e outras entidades

Dentro do hub existir√° também núcleos de inovação de instituições e entidades ou associações de classe. "Estamos convidando o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Piauí (Crea), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e outras entidades para que tragam seus núcleos de inovação para c√°", conta Cristiano Vargas, citando ainda o núcleo de inovação da Secretaria da Administração (Sead) e das universidades. "A ideia é todos rodarem aqui dentro, na mesma sala. Voc√™ começa a conectar todos os atores do sistema para realmente gerar novos negócios", explica o vice-presidente da Investe Piauí.

Essa ligação entre atores da inovação também ter√° a participação das comunidades de startups do Piauí, como Carnaúba Valley, Cajuína Valley, Gurgueia Valley; dos hubs privados, como Koa e Piauí Original Hub; e de instituições que j√° atuam em inovação, como as do Sistema S (Sebrae, o Senai e o Sesi).

Empresas tradicionais também serão bem-vindas, pois terão conexão com órgãos governamentais como a Junta Comercial do Piauí (Jucepi), além do próprio Sistema S, que é ligado a empresas de um modo geral.

Programa Made in Piauí

O Hub Investe Piauí também vai ajudar aqueles negócios que não possuem CNPJ. Um exemplo desse apoio é o Made in Piauí, programa de rebranding de produtos locais que permite a venda de produtos regionais que não t√™m uma empresa à frente. Inaugurado recentemente durante a mostra de arquitetura Casa Cor, que est√° sendo realizada em Teresina, o Made in Piauí est√° vendendo no evento os produtos dos artesãos. O valor arrecado é destinado aos profissionais, beneficiando-os. "Eles não teriam condições de montar um stand numa Casa Cor. Então, nós montamos e fomentamos a venda para eles", explica Cristiano Vargas.

Coworking e podcast

O Hub Investe Piauí também ter√° serviço gratuito de coworking. Serão 30 espaços que poderão ser utilizados de 8h às 18h, mesmo hor√°rio em que o hub ficar√° aberto à população, de segunda à sexta-feira.

No local foi instalado um estúdio de podcast, que poder√° ser usado de forma gratuita pelas empresas e comunidades, mediante reserva de hor√°rio.

O espaço contar√° com um auditório para 30 alunos e ter√° aulas de tecnologia dos tr√™s turnos (manhã, tarde e noite).

Comunicar erro
BANNER QUEIMADAS

Coment√°rios

Mulheres Acompanhantes